Seção I - Documentos iconográficos (Fotografias)

CJ 3.1 0006 a 1 CJ 3.1 0006 b 1 CJ 3.1 0007 1 CJ 3.1 0008 1 CJ 3.1 0009 1 CJ 3.1 0010  1 CJ 3.1 0011 1 CJ 3.3 0002 1 CJ  3.1 0013 1 CJ 3.1 0014 1
Results 1 to 10 of 413 Show all

Identity area

Reference code

BR RSMADP CJ-I

Title

Documentos iconográficos (Fotografias)

Date(s)

  • 1915-1975 (Creation)

Level of description

Seção

Extent and medium

Documentos iconográficos por processo fotográfico: volume aproximado de 5.000 imagens classificadas, cerca de 6.000 suportes: Negativos de vidro (NOV), Negativos flexíveis (NOF) e fotografias em papel (FO)

Context area

Name of creator

(1896-1997)

Biographical history

Eduardo Jaunsem nasceu no dia 11 de fevereiro de 1896 na cidade de Liepaja, na Letônia, e chegou no Rio Grande do Sul, – Brasil em maio de 1914. Jaunsem residiu nas proximidades da colônia de Ijuhy, na Linha 11, Leste, região rural, na qual onde exercia a função de agricultor e nos momentos de lazer, fotógrafo. No país, sua principal atividade foi a agricultura, mas cultivou sua paixão pela fotografia, o que repercutiu na produção de diversas imagens da zona rural, suas paisagens naturais e cotidiano do homem no campo. Jaunsem viveu até 101 anos de idade e no período de 1974 a 1986, gradativamente, decidiu -se por doar seu acervo para preservação ao Museu Antropológico Diretor Pestana. Sobre a prática fotográfica exercida por Jaunsem:
"[...] desenvolve uma experiência original tanto como fotógrafo autodidata como pelo caráter lúdico de sua produção, ao registrar o meio em que vive, a compreensão que tem desse meio, suas emoções. Visualiza a contribuição dos imigrantes, em especial dos letos, enquanto produtores agrícolas e construtores da nova sociedade” (Marques; Grzybowski, 1990, p. 11).

Embora Jaunsem deixasse a fotografia como uma função secundária para não se descuidar da propriedade rural, não deixava de contribuir para o sindicato dos fotógrafos e atualizar seus equipamentos na capital (Porto Alegre), havendo ocasiões em que era procurado na região para retratar casamentos, festas, piqueniques, entre outros eventos sociais da época. No entanto, Seus registros favoritos, no entanto, eram as paisagens, incluindo lavouras, algumas culturas agrícolas, as atividades dos colonos e elementos da natureza, tais como cachoeiras, bosques, a terra e as nuvens do céu. Seu gosto pela “natureza e o homem cotidiano é uma possibilidade de aproximar suas obras com as tendências do pictorialismo e mais tarde da fotografia moderna” (Canabarro, 2011, p. 160).

Referências:
CANABARRO, Ivo dos Santos.. Dimensões da cultura fotográfica no sul do Brasil. Ijuí: Ed. Unijuí, 2011. (Coleção Museu Antropológico Diretor Pestana).

MARQUES, Mario Osorio; GRZYBOWSKI, Lourdes Carvalho. História visual da formação de Ijuí, Rio Grande do Sul. Ijuí: Ed. Unijuí, 1990. (Coleção centenário de Ijuí; n.7).

Archival history

Immediate source of acquisition or transfer

Documentos fotográficos: Doação. Eduardo Jaunsem, endereço na época: Linha 11, Leste - região de Ijuí - Rio Grande do Sul – Brasil. Datas de doação: Outubro de 1974; 11/11/1978; 03/03/1983; 1986.

Content and structure area

Scope and content

As fotografias de Eduardo Jaunsem apresentam uma diversidade de temas e gêneros fotográficos, como as vistas e os retratos.
DESTAQUE DA COLEÇÃO
São destaques as imagens de vistas da natureza, o cotidiano do homem no campo ou meio rural (agricultura), fotografias artísticas.
O negativo de vidro, considerado um suporte fotográfico de alta qualidade da imagem e durabilidade, tem um volume expressivo no acervo. Entre 2005 e 2007, o Museu realizou a duplicação de segurança dos negativos para filmes, bem como a reprodução das imagens positivas, através do projeto "Preservação/Publicização da Coleção Eduardo Jaunsem", aprovado pela Lei de Incentivo à Cultura Federal - PRONAC - MECENATO do Ministério da Cultura (MinC).

Appraisal, destruction and scheduling

Accruals

System of arrangement

ESTRUTURA DE ASSUNTOS/TEMAS:

  1. Generalidades
    0.1 Paisagem
    0.2 Vistas urbanas e rurais
    0.3 Fenômenos da natureza
    0.4 Animais
    0.5 Objetos
    0.6 Arquitetura e construções

  2. Genealogia
    1.1 Casais e Famílias
    1.2 Indivíduos
    1.3 Grupos

  3. Comunicação e transporte
    2.1 Meios de comunicação
    2.2 Meios de transporte
    2.3 Acidentes com meios de transporte

  4. Economia
    3.1 Agropecuária
    3.2 Comércio
    3.3 Indústria
    3.4 Prestação de serviços
    3.5 Energia
    3.6 Eventos

  5. Educação e cultura
    4.1 Ensino
    4.2 Ensino especial
    4.3 Movimento estudantil
    4.4 Folclore
    4.5 Apresentações artísticas
    4.6 Instituições culturais
    4.7 Eventos

  6. Vida social/esporte e lazer
    5.1 Casamento e bodas
    5.2 Eventos
    5.3 Esporte
    5.4 Entidades esportivas e recreativas
    5.5 Lazer
    5.6 Prostituição

  7. Política/ administração pública
    6.1 Administração pública
    6.2 Organizações
    6.3 Partidos políticos
    6.4 Eventos

  8. Religião
    7.1 Ritos
    7.2 Eventos
    7.3 Edificações
    7.4 Religiões e leigos

  9. Saúde/previdência/assistência social
    8.1 Hospitais e centros médicos
    8.2 Institutos e cooperativas médicas
    8.3 Entidades assistenciais
    8.4 Evento

As coleções fotográficas do Museu receberam o sistema de classificação temática em 1982, estabelecido na execução do projeto “Estudo da Formação Fotográfica de Ijuí”, em conjunto com a FUNARTE. O conjunto foi organizado por temas padrões, cujos códigos temáticos foram utilizados para identificar cada imagem classificada.

Conditions of access and use area

Conditions governing access

Conditions governing reproduction

Duplicação dos negativos: Entre 2005 e 2007, o Museu realizou a duplicação de segurança dos negativos para filmes, bem como a reprodução das imagens positivas, através do projeto "Preservação/Publicização da Coleção Eduardo Jaunsem", aprovado pela Lei de Incentivo à Cultura Federal - PRONAC - MECENATO do Ministério da Cultura (MinC).
Digitalização: mais de 50% dos documentos estão digitalizados para consulta.

Language of material

Script of material

Language and script notes

Physical characteristics and technical requirements

Finding aids

Índice por tema; consta no índice geral de sobrenomes (Documentos iconográficos).

Generated finding aid

Allied materials area

Existence and location of originals

Existence and location of copies

Related units of description

Related descriptions

Notes area

Alternative identifier(s)

Access points

Subject access points

Name access points

Genre access points

Description control area

Description identifier

Institution identifier

Rules and/or conventions used

Código da coleção fotográfica:
CJ 3.1 0001 00220 = CJ (sigla para a Coleção Eduardo Jaunsem); 3.1 (sigla do assunto que o documento está classificado, nesse caso 3 é "Economia" e 1 é "Agropecuária); 0001 (nº de classificação do documento dentro do assunto classificado); 00220 (nº tombo do volume total da coleção).

Status

Level of detail

Dates of creation revision deletion

Language(s)

Script(s)

Sources

Archivist's note

Elaboração da descrição: Amanda Keiko Higashi, arquivista do MADP/FIDENE, em 10/06/2018.

Accession area

Related subjects

Related people and organizations

Related genres