Collection AK - Indígena

Reserva Indígena de Guarita Futebol Índios de Tenente Portela

Identity area

Reference code

BR RSMADP AK

Title

Indígena

Date(s)

  • A partir de 1960 (Accumulation)
  • A partir de 1847 (Creation)

Level of description

Collection

Extent and medium

Documentos iconográficos (processo fotográfico) e textuais.

Context area

Name of creator

Biographical history

Archival history

A temática indígena sempre foi um dos objetivos presentes no Museu, desde a sua constituição, quando Martin Fischer incorporou ao acervo, os objetos arqueológicos de sua coleção pessoal. No final da década de 1960 até 1973, em parceria com pesquisadores da UFRGS e Instituto Anchietano de Pesquisas, o Museu realizou a busca de artefatos em 135 sítios arqueológicos. Desde a década de 1960 o Museu já possuía documentos referentes aos povos indígenas, mas foi na década seguinte que seu volume aumentou consideravelmente, quando a antropóloga Lígia Terezinha Lopes Simonian iniciou o projeto de pesquisa “Índios e brancos no Rio Grande do Sul: os problemas de terras e identificação étnica" na metade da década de 1970 e posteriormente, o projeto “Arquivo Kaingang e Guarani de 1978, que resultaram na formação e organização da documentação referente às etnias Kaingang, Guarani e Xetá, bem como nas seguintes publicações que compõem a série “Cadernos do Museu”: “A defesa das terras indígenas: uma luta de Moyses Westphalen” (1979); “Visualização: estado expropria e domina povo guarani e kaingang (1980); “Arquivo kaingang, guarani e xeta” (1981). Inicialmente, o conjunto sobre os povos indígenas era constituído por documentos doados pela comunidade, mais tarde, foram incorporados materiais coletados de diferentes locais por Ligia para o desenvolvimento de seu primeiro projeto. O segundo projeto, teve intuito de constituir no Museu, um acervo especializado no assunto para acesso dos pesquisadores, através da continuidade da coleta de documentos e processo de organização. A busca por materiais foi realizada junto a pessoas físicas e instituições diversas como bibliotecas, museus, órgãos governamentais e postos indígenas do estado. Algumas instituições deram acesso para a consulta e empréstimo de documentos, outras cederam originais, como também cópias ou reproduções. O apoio na aquisição de informações e materiais foram da FUNAI em Brasília, Congresso Nacional, Assembléia Legislativa do Estado/RS, Museu do Índio do Rio de Janeiro, Biblioteca Nacional, Biblioteca Central da UFRGS, Museu Paranaense, Museu de Antropologia da UFSC, Arquivo Nacional, Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro, Biblioteca do Museu Nacional, Arquivo Histórico do Estado/RS, Secretaria de Agricultura do Estado do RS/Setor de Terras Públicas, CEMAPA/Erechim, posto indígena de Nonoai, Inhacorá e Guarita, Centro de Documentação e Informação/SP, Comissão Pró-Índio de São Paulo, Secretaria de Turismo da Prefeitura Municipal de Iraí, Carlos de Danilo Quadros em Porto Alegre, professor Igor Schmitz do Departamento de Antropologia da Universidade Federal do Paraná em Curitiba. Fontes: SIMONIAN, Ligia T. L., “Arquivo kaingang: guarani e xeta”. Ijui: [s.n.], 1981. (Cadernos do Museu); Documento AF MADP 060 133 78. FIDENE, “Projeto Arquivo Kaingang e Guarani”.

Immediate source of acquisition or transfer

Coleta, doação. Aquisição de diferentes doadores

Content and structure area

Scope and content

Contexto do Estado do Rio Grande do Sul e Brasil. A documentação trata dos grupos étnicos indígenas Guarani, Kaingang e Xetá. A etnia Xetá é contemplada apenas nos documentos textuais. A documentação de fotografias possui, além das etnias Guarani e Kaingang, etnias de outras regiões do país.

Appraisal, destruction and scheduling

Accruals

System of arrangement

Conditions of access and use area

Conditions governing access

Originais disponíveis em consulta local. Reproduções disponíveis no atendimento a pesquisas presencial e a distância.

Conditions governing reproduction

Parcialmente digitalizado.

Language of material

Script of material

Language and script notes

Physical characteristics and technical requirements

Finding aids

índices digitais e índices manuais (fichários) para consulta local

Allied materials area

Existence and location of originals

Existence and location of copies

Related units of description

Related descriptions

Notes area

Alternative identifier(s)

Access points

Subject access points

Place access points

Name access points

Genre access points

Description control area

Description identifier

Institution identifier

Rules and/or conventions used

Status

Level of detail

Dates of creation revision deletion

Language(s)

Script(s)

Sources

Archivist's note

Elaboração da descrição: Amanda Keiko Higashi, arquivista FIDENE/Museu Antropológico Diretor Pestana, em 2021

Accession area

Related subjects

Related people and organizations

Related genres

Related places